"Song For Someone" 360 Version

Anúncios

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Adam Clayton conta sobre sua solidão, tristeza e dificuldades quando voltava para casa após as turnês com o U2


O DJ / jornalista BP Fallon em 1993 perguntou aos integrantes do U2 qual tinha sido a última vez que eles haviam chorado e o motivo. Adam Clayton estava enfrentando sérios problemas com álcool e drogas na época, e sua resposta foi muito séria e sincera:

LARRY: (Longa, longa pausa) eu não vou responder isso.

BONO: Suponho que faço tudo em extremos - rir muito, chorar muito, brigar muito, fazer amor muito, comer demais, beber demais, tentar demais, chorar demais. Passe a cebola...

THE EDGE: Quando eu assisti o 'Spinal Tap', porque é tudo verdade.

ADAM CLAYTON: Provavelmente durante a gravação do álbum 'Achtung Baby', porque foi um momento muito confuso, mas emocionalmente eu sempre fico ruim depois de uma turnê. Quando você volta pra casa, você tem que se adaptar à vida normal outra vez, é muito muito frustrante ter tido algo tirado de você, que é sua razão de existência, saber que você se levanta todo dia, que você vai fazer um show todas as noites e então quando tudo acaba, você tem que voltar e pagar a conta de luz e abrir a porta para o carteiro, ou seja o que for, há aí uma frustração e uma confusão emocional sobre quem você é, onde você está e o que está fazendo. Acho que tenho tendência a chorar muito depois.

BP: Então há uma solidão envolvida nisso?

ADAM CLAYTON: Eu acho que a vida é solitária. Não importa o que você faz, no final do dia depende de sua decisão, suas escolhas, ninguém pode fazer isso para você e acho que é solitário.
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...