Anúncios

sábado, 21 de março de 2015

"O mundo realmente precisa de mais canções de amor tolas?"

Bono se casou com Alison Stewart em 21 de agosto de 1982. O U2 estava em grande débito com a Island Records na época e o cantor não tinha bastante dinheiro para esbanjar na ocasião.
Ainda assim, a conexão com a Island tinha uma clara vantagem: o dono do selo, Chris Blackwell, mantinha extensas propriedades na Jamaica e Bahamas. Ele emprestou uma delas, uma casa chamada Goldeneye, que outrora pertencera a Ian Fleming, para Bono e Ali em sua lua-de-mel.
"Two Hearts Beat As One" foi uma das duas canções que Bono escreveu lá.
O segundo single lançado de 'War' - e o segundo sucesso da banda na Inglaterra - era outra facada na fusão de rock e funk e, pelo menos foi um sucesso parcial.
Liricamente, Bono ainda está lutando para encontrar uma voz. “I don’t know how to say what’s got to be said”, ele confessa. Mas, ainda mais revelador talvez, é a corrente de desespero que anuncia a canção. Você pode imaginar Bono incapaz de aproveitar o conforto da sua casa de lua de mel, seu espírito inquieto, inevitavelmente contemplando a perspectiva de entrar em estúdio novamente, com um monte de rascunhos, idéias líricas e semi-coros concluídos em rabiscos no verso de papéis de cigarros e sacos para enjôo da Air India.
“I can’t stop to dance/This is my last dance,” ele diz, como se quisesse se desculpar com Ali. E claro, ele poderia estar certo: se o U2 não tivesse decolado com o 'War', então esse poderia muito bem ser o último álbum da banda, na Island pelo menos. E se a Island os deixasse sair, quem sabe o que poderia ter acontecido depois?
“Eu realmente não escrevi muitas canções de amor porque eu penso: o mundo realmente precisa de mais canções de amor tolas?”, Bono pergunta. “Mas essa é uma. E em muitos aspectos, eu acho que é bonita. Nós estávamos tentando fazê-la ficar legal e não conseguimos muito. Eu acho que se tivéssemos tentado de um jeito diferente, poderíamos ter descoberto um entalhe mais sexy e que poderia ter funcionado melhor. Mas nós nunca fizemos isso. De qualquer forma a jam era aquela, eu cantei a canção daquela forma. É por isso que houve um aperto no vocal, o que eu acho difícil ouvir agora. Eu estava gritando a maior parte do tempo. Mas eu acho que se uma música como essa tinha sido entregue de forma diferente, teria mais apelo para mim agora porque é uma música boa."

AGRADECIMENTO: ROSA - U2 MOFO
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...