Anúncios

segunda-feira, 8 de setembro de 2014

Quentin Crisp, um das mais claras inspirações para o personagem Mr. MacPhisto

Talvez uma das mais claras inspirações para personagem de Mr. MacPhisto tenha sido o excêntrico flamboyant inglês Quentin Crisp, que também tinha sido o tema da canção de Sting, "Englishman In New York".
Um contador de histórias célebre que continuou a sua turnê de seu show popular, até a sua morte aos 90 anos de idade, Crisp era conhecido por sua aparência afeminada bizarra e intelectual (muitas vezes descrito como o Oscar Wilde do século 20).
Muitos dos traços de MacPhisto, de seu campo de comportamento para sua distintiva voza rouca e lenta, podem ser reconhecidos no Sr Crisp.
Crisp até permitiu que o seu número de telefone fosse listada em listas públicas e "viu que seu dever era conversar com alguém que o ligasse", bem como alegremente, aceitando convites de jantares "de quase qualquer um" e entretendo seus anfitriões com histórias divertidas!
Não soa familiar? O personagem bem-falante de Bono, o diabo inglês envelhecido, descrito por alguns como "Quentin Crisp ácido"!


www.canadanne.co.uk/macphisto/who.html#crisp
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...