Anúncios

Ainda Não Encontrou O Que Procura? Pesquise Aqui!

sábado, 15 de julho de 2017

Tony Belloto, Guto Goffi, Edgard Scandurra, João Barone e Dinho Ouro Preto falam da influência do U2 no rock brasileiro


O U2 é nome que arrasta milhares de fãs a seus shows brasileiros, motivo para suportar horas e horas em filas e enfrentar madrugadas e muitos problemas para conseguir comprar ingressos. Em 2006, uma matéria da Folha De São Paulo disse que a música do U2 não é tão sentida como influência nas bandas de rock nacional.
Para conferir essa impressão, a Ilustrada ouviu algumas das principais figuras do pop brasileiro. E... bem, a maioria discordou.
Em seus comentários, grande parte dos músicos afirmou que, sim, o U2 pode ser considerado como influência de várias bandas roqueiras brasileiras. Mas, naquele momento, citar quais os grupos que beberam na fonte dos irlandeses, apenas um nome apareceu: Legião Urbana.
"Discordo que o U2 não influencie bandas brasileiras", afirmou Tony Bellotto, guitarrista dos Titãs. "Nos anos 80, quando surgiu, o U2 influenciou muita gente do rock no Brasil, aí incluída a Legião Urbana, por exemplo. Mas desde o início dos anos 90 acho que o U2 não influencia muita gente. O trabalho do U2 é mais difícil de definir e, portanto, de imitar. Canções irlandesas, Beatles, o toque único da guitarra do The Edge, ritmos marciais, experimentações eletrônicas e rock se misturam numa alquimia complexa e difícil de ser alcançada por iniciantes incautos."
Edgard Scandurra, guitarrista do Ira! "Respeito o U2, acho que é um grupo pós punk que remete muito aos anos 80."
Dinho, o vocalista do Capital Inicial: "Especificamente na nossa geração, o U2 foi mais influente. Você vê nos primeiros discos da Legião Urbana uma influência evidente dos Smiths e do U2. Mas isso talvez seja uma coisa peculiar de Brasília. Ouvíamos metal, Sabbath, Zeppelin. De lá passamos para o punk."
João Barone, baterista dos Paralamas do Sucesso: "O U2 foi, sim, referência forte a partir dos 80. Como exemplo, temos a maior e mais popular banda de rock brasileira de todos os tempos, a Legião Urbana, que tinha fortes pinceladas do U2 em sua música."
Guto Goffi, o baterista do Barão Vermelho: "Da geração 80, só o Barão teve essa influência de Rolling Stones, do blues. As bandas brasileiras da época foram mais para o punk rock. O U2 tem um som particular, um letrista muito bom e a música é uma moldura boa para aquele texto. É uma coisa da Irlanda, o The Edge tem um jeito de tocar... Sempre que alguém tenta imitá-los, se ferra."
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...