Anúncios

Ainda Não Encontrou O Que Procura? Pesquise Aqui!

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

"Nunca esquecemos que o público é quem paga os nossos salários"

"Há quem diga que entrei para o U2 para salvar o mundo. Eu entrei para o U2 para salvar à mim mesmo" 

Bono: "Os integrantes da banda ficam surpreendidos com a minha atração pela não-violência, pois sabem que o cantor é quem mais pode tirar partido das músicas. Compreendem a razão pela qual me sinto tão atraído por estes personagens, pelos personagens das músicas – pois no meu dia-a-dia e na minha maneira de ser sou muito diferente deles. Existe uma fúria dentro de mim e não tem tudo a ver com injustiça. Desenvolvi bons modos de disfarçá-la.
Agora me controlo melhor, mas costumava ser difícil falar comigo depois de um show, pois durante uma hora eu iria estar muito agitado e, se a atuação não tivesse corrido bem, eu me sentia traiçoeiro e melindroso.
Os bastidores de um concerto do U2 são mais como um camarim após uma luta de boxe ou um jogo de futebol, do que um concerto de rock. Temos de nos lembrar que, para o U2, todas as noites têm de ser as melhores. E se não são, tem de haver uma razão. Temos padrões bastante elevados e nunca esquecemos que o público é quem paga os nossos salários.
A nossa audiência merece a melhor seleção de músicas possível, não basta ‘despejar’ umas quantas para mantê-los entretidos. Eu consigo perceber quando o público está perdendo o interesse e sou garoto para mandar um explosivo para o meio deles, sendo que o explosivo provavelmente seja eu. Acendam o rastilho e vejam o que acontece.
Para cantar aquelas músicas e atingir as notas elevadas é necessária uma grande dose de concentração e empenho. Temos de entrar nas músicas e vivê-las. Seja no centro de Derry tocando "Sunday Bloody Sunday" ou em Memphis num comício sobre os direitos civis com o Dr. King, cantando "Pride (In The Name Of Love)". Eu estou lá. Um colega está destruindo a vida dele com uma dose de droga. É "Bad". Temos de viver essas emoções. Creio que os membros da banda conseguiram perceber que eu chego a esses lugares. Em alguns momentos, deve ter sido bastante complicado para eles, pois o cantor se ausentava mesmo."
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...