Anúncios

Ainda Não Encontrou O Que Procura? Pesquise Aqui!

terça-feira, 29 de julho de 2014

O discurso de agradecimento de Bono quando 'The Joshua Tree' faturou o Grammy de melhor álbum do ano

O discurso de aceitação de Bono no Grammy Awards de 1988, quando 'The Joshua Tree' do U2 venceu na categoria "Álbum do Ano".

Bono: "Bem, isso é tudo muito celta. Nós agradecemos. Na verdade, é realmente difícil carregar o peso do mundo sobre seus ombros e, salvar uma baleia, e organizar cimeiras entre os líderes mundiais e esse tipo de coisa.
Mas, nós apreciamos o nosso trabalho. E é difícil quando há 50 milhões de pessoas assistindo e não não aproveitar a oportunidade para falar sobre coisas como África do Sul e o que está acontecendo lá e pessoas notáveis como Bispo Tutu e o que eles têm que aturar.
Mas, hoje talvez não é a noite para eu fazer isso, então, em vez disso, eu gostaria de falar sobre a música. Como nos propusemos a fazer música, a música soul, que é o que o U2 queria fazer. Era a música soul.
Não é sobre ser negro ou branco, ou os instrumentos que você toca, ou se você usa uma bateria eletrônica ou não. É uma decisão de revelar ou omitir. E, sem ele, pessoas como o Prince seriam nada mais do que um brilhante homem de música e dança. Que ele é, mas ele é muito mais que isso. Pessoas como Bruce Springsteen não seriam nada mais do que um grande contador de histórias. Mas ele é muito mais que isso. Sem ele, o U2 provavelmente ganharia melhores comentários no Village Voice, mas, isso é uma piada. Às vezes eles não entendem. Sem ele, o U2 certamente não estaria aqui e estamos aqui e não quero estar em outro lugar do que Nova York hoje à noite. Obrigado. E, eu também gostaria de agradecer Daniel Lanois e Brian Eno, sem o qual nós não poderia ter feito esse registro. Muito obrigado!"
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Blog U2 Sombras e Árvores Altas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...